Posts

QUEDA HISTÓRICA DOS PIBS DE EUA E UNIÃO EUROPÉIA

O tamanho do impacto econômico inicial causado pela pandemia do coronavírus começa pouco a pouco a emergir, e os números não são alentadores. A economia dos Estados Unidos, a maior do mundo, encolheu a uma taxa anualizada de 32,9% entre abril e junho, a maior contração desde a Grande Depressão, na década de 1930. Leia mais

CEPAL: CONTRACCIÓN DE LA ACTIVIDAD ECONÓMICA SE PROFUNDIZA A CAUSA DE LA PANDEMIA

La actividad económica en el mundo está cayendo más de lo previsto hace unos meses como consecuencia de la crisis derivada de la enfermedad por coronavirus (COVID-19) y, con ello, aumentan los impactos externos negativos sobre América Latina y el Caribe a través del canal comercial, de términos de intercambio, de turismo y de remesas. Leia mais

PRIORITIES FOR THE COVID-19 ECONOMY

With hopes of a sharp rebound from the pandemic-induced recession quickly fading, policymakers should pause and take stock of what it will take to achieve a sustained recovery. The most urgent policy priorities have been obvious since the beginning, but they will require hard choices and a show of political will. Leia mais

IPEA APONTA QUEDA DE 6% NO PIB PARA 2020

Diante do avanço da pandemia de Covid-19 e seus impactos na economia brasileira, especialmente no segundo trimestre deste ano, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revisou as previsões macroeconômicas e divulgou, nesta terça-feira (09), queda esperada de 6% no Produto Interno Bruto (PIB) para 2020 e alta de 3,6% para 2021. Leia mais

QUARENTENAS ‘IOIÔ’ PODEM ADIAR A RETOMADA DA ECONOMIA

Algumas capitais do país recuaram nas regras de afrouxamento da quarentena imposta para o combate à pandemia do coronavírus. Cidades que começaram a permitir o funcionamento de parte das atividades econômicas não essenciais, decidiram restringir novamente locais que foram reabertos, como bares, academias, templos religiosos e shoppings. Leia mais

IPEA: BOLETIM DE ACOMPANHAMENTO SETORIAL DA ATIVIDADE ECONÔMICA

Este boletim tem como objetivo auxiliar na análise do desempenho setorial da atividade econômica brasileira, visando identificar quais segmentos têm sido relativamente mais afetados pela crise associada à Covid-19. Leia mais

CORONAVIRUS IS OUR CHANCE TO COMPLETELY RETHINK WHAT THE ECONOMY IS FOR

The pandemic has revealed the danger of prizing ‘efficiency’ above all else. The recent slowdown in our lives points to another way of doing things. There’s been a lot of argument about how best to handle the coronavirus pandemic, but if there are two things on which most people currently agree, it’s that governments should have been better prepared, and that everyone should get back to work as soon as it is safe to do so. Leia mais

ATRITOS POLÍTICOS DIFICULTAM COMBATE À PANDEMIA E À RECESSÃO

O economista Otaviano Canuto, ex-diretor do Fundo Monetário Internacional (FMI) e diretor do Center for Macroeconomics and Development, afirma que “não é preciso ser especialista” para perceber o prejuízo que os ruídos políticos representam para a economia. Leia mais

QUEM VAI PAGAR?

A crise que está ocorrendo não é de saúde, mas de natureza econômica. O bater de asas de borboleta que sem dúvida ocorreu no mercado de Wuhan caminhou seguindo as linhas de fragilidade do capitalismo globalizado e liberalizado, que reimplantou há quarenta anos suas “cadeias de valor” de acordo com os eldorados de fachada que lhe prometiam lucros preguiçosos: Leia mais

PANDEMIA FARÁ ECONOMIA TER PIOR DESEMPENHO EM 120 ANOS

Décadas “perdidas” desperdiçam gerações, e os jovens brasileiros se veem espremidos entre a mais perdida delas e um futuro incógnito. Leia mais