PARA UMA CRÍTICA DA ADMINISTRAÇÃO POLÍTICA

O artigo discute as considerações centrais da administração política sobre a gestão como objeto central. Argumenta-se que a centralidade da gestão para a administração política não a difere com relação ao chamado mainstream, mantendo a mesma redução dos problemas sociais a um mero problema de gestão. Leia mais

O PAPEL DO SENADO COMO CÂMARA REVISORA NO BICAMERALISMO BRASILEIRO

O Brasil adota um sistema bicameral simétrico e incongruente, isto é, ambas as Câmaras possuem semelhante capacidade legislativa e formas diferentes de seleção de seus membros. Leia mais

REPRESENTAÇÃO DE INTERESSES NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

Alguns autores já demonstraram que, no âmbito do Legislativo, a comissão é o locus para o qual se dirige grande parte do trabalho de grupos de interesse. Leia mais

COALIZÃO DE GOVERNO E ORGANIZAÇÃO DO PODER EXECUTIVO

No contexto do presidencialismo de coalizão com crescente número de partidos envolvidos, o poder de “barganha” do presidente para assegurar a governabilidade possui implicações sobre aspecto estrutural dos mandatos e, consequentemente, sobre a capacidade estatal na entrega de bens e serviços à sociedade. Leia mais

REFLEXÕES ACERCA DO CONSUMO VERDE E SUSTENTÁVEL NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA

Este artigo apresenta reflexões acerca das inter-relações entre os conceitos de consumo verde e consumo sustentável. Tendo como pano de fundo um discurso ambiental amplamente disseminado em nossa sociedade, bem como a centralidade do consumo nesse mesmo universo, percebe-se a existência de dois modelos totalmente opostos no que diz respeito às formas de pensar e agir. Leia mais

NEOLIBERALISMO E NEOGERENCIA PÚBLICA

O artigo propõe examinar a nova gestão pública em sua totalidade histórica, como um fenômeno emanado do surgimento do neoliberalismo no século XX. Em particular, examina o papel dessa gestão como instrumento das reformas estaduais propostas pelo neoliberalismo entre 1990 e 2010, destacando seus aspectos doutrinários e instrumentais. Em resumo, enfatiza a incorporação de conceitos econômicos introduzidos pela nova gestão pública no campo de estudo da administração pública. Leia mais

FATORES DETERMINANTES DA PARTICIPAÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO CULTURAL BRASILEIRO

Este artigo analisa como fatores individuais e municipais impactam na decisão do indivíduo de estar empregado em uma ocupação do núcleo artístico da classe criativa no Brasil. Leia mais

DEMOCRACIA E REDUÇÃO DA DESIGUALDADE ECONÔMICA NO BRASIL

O artigo examina a trajetória da desigualdade econômica no Brasil no período democrático contemporâneo. Demonstra que esta foi substancialmente reduzida por um mecanismo de inclusão dos outsiders. Leia mais

O EFEITO DAS PARTICIPAÇÕES DE EMPRESAS FINANCEIRAS EM NÃO-FINANCEIRAS NO BRASIL

Este artigo mostra os principais resultados da pesquisa para analisar o efeito das participações, diretas ou indiretas, de bancos em empresas não-financeiras, no Brasil, o ambiente regulatório em que estas participações estão inseridas, traçando um paralelo com o ambiente regulatório norte-americano, por ser um dos mercados financeiros mais desenvolvidos no mundo Leia mais

A OLIGARQUIA DESVENDADA: ORGANIZAÇÃO E ESTRUTURA DOS PARTIDOS POLÍTICOS BRASILEIROS

O presente artigo foca na organização e estrutura interna dos partidos políticos brasileiros, a partir de uma abordagem institucionalista tradicional, uma vez que se busca compreender como um conjunto específico de regras (estatutos partidários) pode afetar a comunidade de atores (partidos, lideranças partidárias, filiados) e as relações entre esses grupos. Leia mais