AS OCUPAÇÕES DAS COMUNIDADES DO RIO DE JANEIRO

O novo projeto do governo do estado do Rio de Janeiro, Cidade Integrada, tem como foco a regulamentação da economia local.

O investimento será de R$ 500 milhões. O projeto, cujo investimento será de R$ 500 milhões, é uma espécie de reformulação do programa das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), criado em 2008. Apesar das inevitáveis comparações com o antigo programa, o governo alega que não se trata de uma ocupação nos moldes das UPPs. Mas afinal, quais seriam as principais diferenças com o antigo programa do governo de Sérgio Cabral? Para efeitos comparativos, é necessário contextualizar o programa criado há 14 anos – que foi da alta expectativa de uma sonhada solução para o persistente problema da segurança pública no estado do Rio de Janeiro, até o seu fracasso quase por completo.

Leia o artigo de Marlon Cecilio de Souza em https://diplomatique.org.br/as-ocupacoes-das-comunidades-do-rio-de-janeiro/

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.