CIDADANIA LOCAL E A VOLATILIZAÇÃO DO POLÍTICO

Em vista da globalização, da migração e da urbanização, o significado da cidadania muda, mesmo que seu conteúdo normativo, isto é, os direitos humanos e os deveres a ela associados, não mudem diretamente.

Neste artigo, serão perseguidas algumas possíveis transformações da cidadania em direção a um fortalecimento da referência local. Como e em que contexto emerge uma cidadania urbana? Como é sabido, o Brasil é o único país em que o direito à cidade está inscrito na Constituição. À luz das transformações referidas, no artigo são examinados resultados escolhidos de uma pesquisa a respeito das experiências de cidadãs e cidadãos em procedimentos de participação em propostas de planejamento urbano na Alemanha e na Suíça. Mesmo que tais fóruns participativos sejam importantes para a formação de opinião pública, é evidente uma perda de importância da política em face aos interesses privados, de modo que a cidadania local é colocada em questão.

Leia o artigo de Chantal Magnin em https://www.scielo.br/j/civitas/a/Gz3zW58xwpfPDMJFCkHtVTq/?format=pdf&lang=pt

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.