SISTEMAS REGIONAIS DE INOVAÇÃO

A abordagem dos Sistemas Regionais de Inovação (SRI) surgiu no início dos anos de 1990 e passou por diversos refinamentos conceituais e metodológicos. A noção de SRI está fundamentada na literatura dos sistemas de inovação, que confere papel fundamental para a inovação na promoção do desenvolvimento econômico. A abordagem dos SRI reconhece que o espaço econômico e a proximidade geográfica entre os agentes exercem efeitos importantes no fomento a processos de geração e disseminação de novos conhecimentos. Uma prova disso é a distribuição desigual da inovação entre as regiões em diversos países. Inserido neste contexto, este artigo tem o objetivo de analisar criticamente a abordagem dos SRI. Para isso, é feito um amplo levantamento da literatura sobre o tema, considerando desde as contribuições originais e clássicas sobre essa abordagem, até estudos mais recentes. Isso permite abordar a temática dos SRI a partir de seus fundamentos teóricos, sua estrutura conceitual, as principais aplicações empíricas e, finalmente, as implicações para o debate de políticas. Por fim, o artigo ainda apresenta uma agenda de pesquisa para o tema dos SRI, em uma tentativa de estabelecer os vínculos com a discussão nos países em desenvolvimento.

Leia o artigo de Renato Garcia e outros em https://www.economia.unicamp.br/images/arquivos/artigos/TD/TD394.pdf

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.