TENDÊNCIAS NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA APÓS A HEGEMONIA DA NEW PUBLIC MANAGEMENT

O objetivo do artigo é avançar na compreensão do funcionamento da administração pública após décadas de reformas sob a égide da Nova Gestão Pública (ou New Public Management – NPM). Com base em uma ampla revisão da literatura, o documento descreve as tendências em termos de princípios e diretrizes e indica que o pós-NPM é um processo de continuidade e não uma interrupção do paradigma anterior. Os processos de implementação das tendências de gestão, bem como no NPM, são apresentados de diferentes maneiras, variando de acordo com o contexto e o quadro institucional de cada governo. O artigo também conclui que a característica mais emblemática da administração pública contemporânea é a prevalência do fenômeno de governança que, em diferentes formatos, abrange a maioria dos princípios e diretrizes do pós-NPM discutidos na literatura. Nesse sentido, o retorno do Estado e da burocracia pública como protagonistas são enfatizados, no entanto, longe do padrão hierárquico tradicional. O papel atual do serviço público no é direcionado ao desenvolvimento de habilidades interdisciplinares, capacidades colaborativas, aumento da responsabilidade para a sociedade, bem como liderança com componentes interativos.

Leia o artigo de Pedro Luiz Cavalcante em https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/3212/2288

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *