DESEMPREGO DIMINUI ENTRE OS JOVENS, MAS DESIGUALDADE DE RENDIMENTOS AUMENTA

Enquanto as famílias de renda muito baixa registram um recuo de 1,4% nos seus rendimentos médios reais no 2º trimestre de 2019, o segmento mais rico da população aponta uma alta salarial de 1,5%, o que evidencia o aumento da desigualdade. Esta é uma das conclusões da seção de Mercado de Trabalho da Carta de Conjuntura do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), divulgada no dia 18/09/2019.

Leia o estudo de Maria Andreia Parente Lameiras e outros em http://www.ipea.gov.br/cartadeconjuntura/index.php/2019/09/18/mercado-de-trabalho-14/

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *