AS VEREDAS DA INFRAESTRUTURA

Há consenso entre economistas de várias orientações sobre a importância da infraestrutura no desenvolvimento econômico. Além de dinamizar a economia no curto prazo, pela criação de demanda por materiais de construção e, principalmente, pelo aumento do emprego, a ampliação e melhoria da infraestrutura tem efeitos mais generalizados e permanente, tais como, a elevação da produtividade e dinamização de setores particulares da indústria que lhes fornecem insumos. Este setor tem as suas particularidades e, por isso mesmo, seu desempenho nas últimas décadas tem deixado a desejar e particularmente, nos últimos anos, é desolador. Segundo dados da Associação Brasileira para Desenvolvimento da Indústria de Base (ABDIB), entre 2010 e 2014, o investimento no setor, de cerca de 2,5% do PIB, mal dava para repor o desgaste ou depreciação. O pior é que esse número se reduziu para 1,5% do PIB no triênio 2016/2108. De acordo com a mesma fonte, seria necessário um valor de 5% do PIB, exclusive petróleo, para tornar o investimento em infraestrutura um fator de contribuição relevante ao desenvolvimento. Como conseguir isto?

Leia o artigo de Ricardo Carneiro em https://diplomatique.org.br/as-veredas-da-infraestrutura/

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *